quinta-feira, 26 de junho de 2014

QUEM AMA...



Quem ama se dedica,
Quem ama quer o bem,
Quem ama se faz presente,
E se doa também

Quem ama se preocupa,
Quem ama dá a mão,
Quem ama não sente culpa
E respeita a decisão

Quem ama não se ofende
Ao contrário, tudo suporta
Quem ama não se ressente
E com a felicidade do outro se conforta

Quem ama não tem ciúmes
Não se ensoberbece
Quem ama não fala que ama,
e ama sem interesse

Quem ama
Não se defende,
Quem ama, ama,
Incondicionalmente

foto: coletada da internet (desconheço autoria)

quarta-feira, 25 de junho de 2014

APERTO


Não existe aperto mais agradável, reconfortante e protetor que um abraço.

foto: coletada da internet (desconheço autoria)

terça-feira, 24 de junho de 2014

APENAS UM PENSAMENTO



Triste daquele que não reconhece o próprio erro, mentindo para si mesmo ser sabedor de tudo. Não praticando a humildade, impossibilita o próprio crescimento e amadurecimento.

foto: coletada da internet (desconheço autoria)

segunda-feira, 16 de junho de 2014

OMISSÃO DIVINA?


Muitos criticam e falam sobre a omissão de Deus em relação aos problemas enfrentados pela humanidade, como por exemplo: Como Deus permitiu que acontecesse aquela tragédia no dia fatídico de 11 de setembro nos EUA, onde tantas pessoas foram dizimadas em nome de um ideal? Onde estava Deus quando a natureza agiu “caprichosamente” e lançou suas águas contra as pessoas que se divertiam em paraísos na terra e milhares de delas morreram? O que Deus fazia enquanto milhões de pessoas eram submetidas à humilhação de outras que se julgavam superiores quer ser pela crença, raça, credo ou ideal?

Deus nos deu esse mundo, cheio de beleza natural, nos deu também inteligência, paz, amor, bondade e misericórdia suficientes para vivermos em harmonia com nossos semelhantes, pois fomos feitos à imagem e semelhança d’Ele. Se o mundo está como está, se há tantas maldades e doenças que somos incapazes de curar, se não conseguimos resolver os problemas causados pela incompetência humana de não ter conseguido manter a obra de Deus intacta, a responsabilidade é única e exclusiva do ser humano que não fez a sua "lição de casa" para manter tudo direitinho e perfeito, tal qual como Deus nos deu no início dos tempos.

A solução da problemática humana está em cada ser de forma individual. Aquela história: "A começar por mim". Somente assim dando bons testemunhos do imenso amor divino e a partir daí, sim, sensibilizar outras pessoas e multiplicar cada vez mais atitudes e pensamentos bons e positivos. Só que enquanto cada pessoa estiver dentro de sua própria concha, na clausura dos seus próprios interesses e defendendo-os de forma inexorável, cabe-nos, a nós que confiamos na interferência divina, interceder pelos corações endurecidos e termos fé de que Deus há de ouvir nossas súplicas e nos auxiliar nessa batalha. Que é nossa!!! Não de Deus!!!

Deus tem morada em nossos corações, basta que saibamos e usemos seus mandamentos e orientações a favor da humanidade como um todo e deixemos de "ficar esperando" que outro faça ou que o mundo acabe!!!

foto: Famosa foto de Kevin Karter, fotógrafo sul-africano, com a qual ganhou o prêmio Pulitzer de 1994
        Suicidou-se aos 33 anos

quinta-feira, 12 de junho de 2014

SEU BEIJO



O primeiro beijo
Tem sabor de descoberta
De aventura
De dia de festa

É uma sensação que não se esquece
Não de um beijo apaixonado
Nem quando se conhece
O gosto do beijo esperado

Experimentei alguns beijos
Poucos, confesso
E posso dizer sem errar
Que o seu foi o mais travesso

Você provocou um beijo
Como numa brincadeira adolescente
Imediatamente correspondi
E me entreguei nada reticente

Depois senti o roçar do seu rosto no meu rosto
Seus lábios os meus a buscar
Sua língua a minha boca a explorar
Marcou para sempre o seu gosto
  
Quando fecho meus olhos
Revivo aquele dia
Em que um beijo provocado
Deixou-me menos arredia

E ao nos despedir
Vi nos seus olhos brilhantes
Sem saber a data de um novo encontro
Toda a paixão estonteante

Seu beijo me marcou
Ficou gravado no pensamento
Hoje fico a pensar
Na alegria daquele momento


foto: coletada da internet (desconheço autoria)

sexta-feira, 6 de junho de 2014

RODA VIVA



O que vivemos hoje é o elo que liga o que passou ao que está por vir. Em alguns momentos, pode acontecer de termos saudade de nós mesmos, mas talvez possa ser em decorrência de decisões não tão acertadas. Não de arrependimentos, mas de erros que cometemos. Daí a sensação de que estamos em uma eterna busca frenética daquilo que nem sabemos ao certo o que possa ser. E quando for encontrado, o “agora” terá sabor de festa e o “ontem” fica na lembrança carinhosa dos momentos vividos.

Melhor mesmo é não ficar matutando e chutar a bola para frente direto para o gol (já que estamos em tempos de Copa do Mundo), conquistando as vitórias cabíveis e nos voltarmos para tudo àquilo que nos deixa felizes.

A vida é cheia de incertezas e nelas vamos tentando nos encaixar de forma equilibrada. Isso nem sempre é um exercício bem sucedido. Evidentemente bom senso é desejável, mas equilíbrio demais pode se tornar algo morno e sem vida. Talvez tenhamos que aprender, ou reaprender, a ser mais impetuosos. A vida, muitas vezes, se incumbe de nos deixar mais céticos e centrados demais, quase que voltados a nós mesmos nos fechando totalmente à aventura e ao incerto, na procura de estabilidade, permanecendo na zona de conforto.

O ideal seria vivermos cada dia como se apresenta, afinal o que passou, passou e não podemos permitir que a sombra do passado encubra o sol do presente, muito menos que se gaste energia valiosa com aquilo que não podemos mudar. Melhor seria se pudéssemos nascer todos os dias e nos atentássemos aos menores detalhes, pois é na simplicidade que se encontra a felicidade. Não precisamos de muita coisa para obter a plena satisfação de nossos desejos. Ao esquecer o passado, permitindo que ele apenas seja uma referência, podemos desfrutar do dia que nasce como se fosse o primeiro de nossas vidas com toda a sua energia e alegria, para desbravarmos a selva chamada futuro.

Como somos complexos a ponto de sermos tantas coisas dentro de uma só mente! Assim vamos decidindo entre a aventura e o conforto, o bom senso e o ímpeto. E essa mistura é que faz de nós seres humanos interessantíssimos.

Será que temos jeito?! O importante é resolver, decidir e não poupar ninguém com nossa intensidade de viver, contagiando a todos ao nosso redor com alegria e muita força de vida!!

foto: coletada da internet (desconheço autoria)

quarta-feira, 4 de junho de 2014

AI QUE SAUDADES QUE EU TENHO...



Ai que saudades que eu tenho
De um tempo em que tudo era mais simples
Ai que saudades me dá
Do dia que amanhecia
E o meu maior compromisso 
Era o de ser feliz
Dá-me uma saudade imensa
Das coisas boas que vivi
Que faziam dos meus dias
Os mais leves que já senti
Tempos que não voltam
Tempos que no passado ficou
Meu mundo mudou
E minha sede de felicidade
Continua latente
Não sei onde desandou
Mas minha alma
Continua intensa
E desejosa
Ai que saudades que eu tenho
Ai que saudades de mim!

foto: arquivo pessoal

terça-feira, 3 de junho de 2014

APENAS UM PENSAMENTO




O ser humano realmente é surpreendente. A cada dia que passa me convenço mais de que as pessoas gostam mesmo é do incerto, do desconhecido, da adrenalina e daquilo que não possuem. Ainda que estejam cercadas de conforto, carinho, atenção, dedicação e amor, não se satisfazem e acabam se aventurando em busca de novas conquistas. Não precisa, necessariamente, de novas aventuras para exercitar o poder de sedução. Conquista diária da mesma pessoa, já é um exercício e tanto!

foto: coletada da internet (desconheço autoria)